Digest 03/06 - Correções do Bitcoin abrem oportunidades de compra

O Bitcoin voltou a subir gradativamente após a queda da semana passada. Após começar a semana próximo à casa dos US$8000, a moeda quebrou a resistência de US$9000 em algumas exchanges. Como esperado ao atingir pontos de resistência, a moeda caiu um pouco, mas vem sendo trabalhado com paciência pelos investidores, que apesar de eventuais quedas em pontos de trigger, estão mantendo um crescimento regular, como é percebido no gráfico abaixo.


Gráfico do BTC/USD na Bitfinex nos últimos 7 dias. (Fonte: Bitcointicker)

O renomado especialista em cripto, Joseph Young, que escreve para a Forbes, CoinTelegraph e CCN, afirmou essa semana que devemos continuar vendo correções nos próximos dias, por isso, a recomendação é continuar usando esses períodos para comprar ativos e/ou realizar shorts, uma vez que a cada vez que o valor subir, a resistência será menor. A expectativa é que ainda esta semana veremos a moeda voltando a US$9000.


Joseph também afirmou que US$11 bilhões foram retirados do mercado de criptomoedas. A maior parte dessas perdas foram entre as altcoins e possivelmente se tratou de traders movendo seus investimentos para Bitcoin, uma vez que a moeda número um não sofreu muitas alterações significativas. Joseph acredita que os analistas estão confiantes de que estamos numa fase bull e só se convenceriam do contrário caso a moeda ficasse abaixo dos US$5500. O valor não deve acontecer tão cedo, mas fica a dica.


Para o futuro, um catalisador do preço na subida é o aumento na demanda de Bitcoin pelos investidores institucionais. Foi reportado essa semana que na CME (Bolsa de Chicago) os contratos futuros de Bitcoin foram o segundo investimento mais procurado por esses grandes investidores. O aumento no volume pode ser percebido como um indicador do aumento da liquidez desses contratos, o que também valoriza os contatos e beneficia diretamente o valor do Bitcoin.

Gráfico dos contratos futuros da CME, destacando a performance do Bitcoin. (Fonte: Joseph Young)

Outra grande notícia é que enfim a plataforma de contratos futuros da bolsa de Nova York, a Bakkt, tem data de lançamento estipulada para julho. Espera-se que a plataforma seja um dos maiores fomentos para o mercado, uma vez que com ela, investidores institucionais de Wall Street conseguirão investir em contratos futuros.


Uma notícia interessante que surgiu nessa semana foi sobre o Bitcoin Cash. A comunidade do BCH está se organizando para financiar o trabalho de desenvolvedores e implantar o trading de contratos futuros em sua plataforma. Além disso, uma carteira de pagamentos em BCH foi lançada para iOS. O aplicativo tem backup em nuvem para dispositivos Android.


Com o aplicativo, usuários do Bitcoin Cash agora podem usar seus ativos com um cartão pré-pago conectado à rede da Visa.


Opinião do Christian

O mercado continua com movimento de alta já há dois meses e quebra mais uma resistência, a de 9K. Lembrando que no passado já chegou a 20K, então o patamar psicológico de subida se quebra mais fácil.

Outro movimento significante da semana foi a subida do Bitcoin SV que chegou a quase 100% de aumento. Esta moeda é a segunda derivação do hardfork do bitcoin e sujeita altamente à especulação.


Carteira do Christian

(50%) Bitcoin: ∆ -2.20%

(20%) Litecoin: ∆ -2,87%

(15%) Binance Coin: ∆ -4.84%

(10%) Tezos: ∆ -12.07%

( 5% ) Stellar: ∆ -1.52%

0 visualização
CONTATO